NOVO HAMBURGO

21°C

Publicidade

Aos 57 anos, faleceu ator e diretor teatral hamburguense Kinho Nazario

Velório está sendo realizado na Funerária Krause, em Novo Hamburgo

13 de Setembro, 2017 às 11:46

Kinho costumava dizer: “O teatro é tudo pra mim”. Acervo pessoal

O meio artístico de Novo Hamburgo está de luto. Nesta madrugada, faleceu o ator e diretor teatral Kinho Nazario, 57 anos – José Carlos Nazario. Ele sofria de câncer nos ossos há alguns anos e veio a falecer em razão de complicações renais e pulmonares. O velório está sendo realizado na capela F da Funerária Krause, em Novo Hamburgo. O enterro está programado para as 17 horas desta quarta-feira no Cemitério Municipal.


Entre tantas manifestações nas redes sociais, diversos colegas e amigos lamentaram a perda do artista. O secretário municipal de Cultura, Ralfe Cardoso, deixou sua mensagem: “A gente que fica, entristece. Ao mesmo tempo sorri e dá gargalhadas por ter conhecido e aplaudido Kinho Nazario. Ele partiu hoje... e nossa arte, nossa cultura, nossa comunidade lamenta. O céu vai estar mais lindo!” Na mesma linha, Betinho Klein, da Curto Arte e criador da Herta, afirmou: "Perdemos um grande artista. É um grande amigo da cultura".


Kinho começou sua carreira no teatro na década de 1970, com um grupo amador. A sua estreia foi em 1974 e a primeira apresentação ocorreu em Sapiranga. Sempre se envolveu com crianças, em especial nas escolas municipais de Novo Hamburgo. Começou esta atividade na década de 1980, quando o professor Ernest Sarlet era o secretário municipal de Educação.


Publicidade


Kinho Nazário ainda trabalhou em projeto social da Calçados Azaleia, onde manteve um trabalho envolvente com as crianças. Ainda teve passagens pelo Sesi, em unidades do Vale do Sinos. Sempre levando arte e cultura para diferentes recantos. Kinho costumava dizer: “O teatro é tudo pra mim”. Descanse em paz.

RECEBA EM PRIMEIRA MÃO

Sem spams comerciais. Apenas informação.

Publicidade
Publicidade

PARCEIROS