5

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Ao clicar em "Aceitar", você concorda com o uso de cookies, termos e políticas do site. Leia mais. ACEITAR

NOVO HAMBURGO

5°C

Publicidade
RS

Alerta aos pais: adolescente de 14 anos pode ter morrido no desafio do desodorante

Polícia está investigando morte de adolescente em município da Grande Porto Alegre

21 de Dezembro, 2018 às 15:46

A inalação ou exposição em excesso ao produto pode provocar graves danos à saúde. Divulgação

Um novo alerta a pais, adolescentes e crianças envolvendo a internet.


A morte de um adolescente na manhã desta sexta-feira (21), no bairro Porto Verde, em Alvorada, na Região Metropolitana, pode ter sido causada por um desafio da internet.


O episódio envolveu um adolescente de 14 anos e a causa mais provável é que ele tenha participado dos desafios disseminados na internet. A vítima foi encontrada morta pelo irmão, de 17 anos, que dormia no mesmo quarto. O irmão mais velho disse que o menino estava deitado em sua cama, com um celular em uma mão e um tubo de desodorante na outra.


A notícia foi recebida com grave preocupação pela Sociedade de Pediatria do Rio Grande do Sul, que recomenda que os pais e responsáveis tenham sempre extrema atenção com o acompanhamento do que os filhos estão assistindo na internet. A inalação ou exposição em excesso ao produto pode provocar graves danos à saúde.


Publicidade


No “desafio do desodorante”, disseminado pelas redes sociais o participante é convidado a inalar o produto pelo maior tempo que conseguir suportar. Familiares do adolescente de Alvorada contaram à Polícia Civil que o menino participou de uma competição de quanto tempo ele aguentaria inalar desodorante aerosol.


O caso é semelhante ao da morte da menina Adrielly Gonçalves, 7 anos, em São Bernardo do Campo (SP), em fevereiro de 2018.


RECEBA EM PRIMEIRA MÃO

Sem spams comerciais. Apenas informação.

Publicidade
Publicidade

PARCEIROS